Chão de fábrica: 5 dicas para aumentar o engajamento de funcionários na indústria

Manter o engajamento de funcionários na indústria é um desafio constante, o qual requer um olhar estratégico para a gestão de pessoas.

Dentro desse olhar, cabe uma série de ações que atingem direta e indiretamente a motivação de funcionários. E é sobre essas ações que podem ser implementadas na indústria que vamos falar agora.

Entenda como funciona essa dinâmica de engajar equipes no ambiente de trabalho para gerar mais produtividade e qualidade!

1. Tenha uma gestão de pessoas humanizada

Toda indústria precisa ter uma política de gestão de pessoas estruturada, com responsáveis pela implementação de ações e que representem um canal de comunicação entre as necessidades de colaboradores e do negócio.

Esse alinhamento só é alcançado a partir de uma visão humanizada para o funcionário, uma vez que só assim se atingem as verdadeiras necessidades das pessoas.

Uma equipe compreendida em sua totalidade tende a se relacionar melhor entre si e com seus gestores, assumindo um senso de responsabilidade maior sobre a qualidade do seu trabalho.

2. Invista em inovação

A combinação entre tecnologia e um tratamento mais flexível é o que caracteriza ambientes de trabalho mais modernos. Essa combinação tem se mostrado mais eficiente do que modelos mais engessados e com pouca inovação.

A inovação hoje tem um papel central no mercado, tornando-se o grande diferencial competitivo das empresas líderes de seus nichos. Porém, não se trata apenas de uma palavra, mas de um investimento de fato.

Investir em inovação é ter sistemas, ferramentas e modelos de trabalho baseados em tecnologias avançadas e eficientes, que privilegiam a otimização de recursos e tempo. Além disso, é ter uma cultura de aprendizado que crie abertura para o conhecimento.

Leia também  Conheça as soluções de gestão de processos para indústrias frigoríficas

3. Trace metas realistas

Ter metas desafiadoras é bom para o crescimento da equipe, mas é preciso que elas sejam realistas. Caso contrário, em vez de motivar os funcionários vai gerar frustração e sobrecarga, convertendo as metas em fatores de estresse no trabalho, o que não é o verdadeiro objetivo de se trabalhar com elas.

4. Desenvolva boas lideranças

Bons líderes devem desenvolver mais líderes. Assim se cria uma cultura de empoderamento de funcionários, aumentando a autonomia e o poder de decisão nas equipes.

Além disso, quanto mais se compartilham informações, mais alinhamento equipe terá com as estratégias de negócio.

5. Ofereça qualidade de vida fora e dentro do ambiente de trabalho

Finalmente, precisamos falar sobre um aspecto de extrema importância na indústria: a qualidade de vida de colaboradores.

Há muitas formas de investir nesse aspecto, seja pelo próprio ambiente de trabalho, seja por ações que impactem positivamente na vida de colaboradores fora da empresa.

Aqui podemos citar ginásticas laborais, programas de prevenção, convênios com academias, planos de saúde, dentre outras ações que deem segurança e incentivo para o colaborador ter condições de trabalhar melhor.

Como se pode ver, o engajamento de funcionários não é um fim sem si mesmo, mas uma consequência de uma série de fatores que envolvem a sua relação com a empresa. Por isso, é preciso criar causas e condições que favoreçam esse engajamento.

Achou essas dicas úteis. Não espere para colocá-las em prática. Para ter apoio de outros conteúdos como esse, basta assinar nossa newsletter!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *