PCP: Saiba a importância de ter um plano de controle de produção na indústria

A indústria, assim como muitas áreas, requer planejamento e controle. Sendo altamente dependente da sua cadeia produtiva, precisa manter o mesmo nível de qualidade para se destacar no mercado. Você já ouviu alguém falar sobre PCP na indústria?

Nesse cenário, surgem então técnicas e ferramentas que possibilitam a indústria controlar seu processo produtivo e obter lucro.

Dentre essas técnicas e ferramentas, podemos destacar o PCP, que significa Planejamento e Controle da Produção.

Com um mercado cada vez mais exigente, o PCP tornou-se uma necessidade na área industrial, facilitando o dia a dia e permitindo que as indústrias trabalhem com maior precisão.

Veja agora o que é esse conceito, como funciona e de que forma ele impacta nas empresas!

O que é PCP?

O PCP é um sistema e, como qualquer sistema, tem o objetivo de otimizar o uso de recursos e a organização de processos, melhorando toda a cadeia produtiva da empresa.

Esse tipo de sistema facilita a gestão e a qualidade de cada tarefa desempenhada, dando maior poder de decisão a líderes e gestores.

Com o PCP, é possível gerenciar tanto os recursos operacionais quanto planejar e controlar cada um dos processos que envolvem a fabricação de determinada indústria.

Dessa forma, a empresa tem condições de criar um ambiente bem mais produtivo e com qualidade. Além de tudo, ainda reduz seus custos operacionais, concentrando a gestão de processos em apenas um sistema.

Como funciona o PCP?

A implantação desse sistema é uma prática conjunta, isto é, precisa envolver todos os que integram os processos de produção. A partir dele, são estabelecidas responsabilidades e práticas de qualidade para cada uma das áreas envolvidas.

Se falamos em setor de compras, serão definidas formas de controle de materiais, prazos e responsáveis para que não faltem recursos em nenhum momento. Tudo isso dentro de um sistema organizado por etapas. Algumas dessas etapas são:

  • Análise de previsões de venda;
  • Planejar o plano de produção;
  • Monitoramento de matéria-prima;
  • Solicitação de compras;
  • Acompanhamento de processos;
  • Ordens de produção.

Qual é o seu verdadeiro impacto na indústria?

Ter um sistema de Planejamento e Controle de Produção é um diferencial para as empresas, criando um funcionamento que respeita qualidade, tempo e quantidade. Isso evita desperdícios e aumenta as possibilidades de negócios.

Quando pensamos em impacto, podemos destacar algumas consequências diretas da implementação desse sistema, como:

  • utilização de recursos ociosos;
  • planejamento do chão de fábrica;
  • acompanhamento preciso de toda a produção;
  • análise da produção por recurso;
  • melhora na decisão de compras.

Lideranças e equipes que trabalham com esse tipo de sistema têm muito mais segurança para atuar e maior poder de tomada de decisões a partir de insights gerados por esse controle dos processos.

Gostou de saber o que é PCP na indústria? Não perca então os próximos conteúdos. Basta assinar a nossa newsletter e receber novos textos sobre ferramentas de gestão e planejamento no setor industrial.

Leia também  5 problemas comuns gerados pela falta de planejamento estratégico

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *